Arquivo

Arquivo do autor

Mirandell Sistemas agora é revenda INIT

24, junho, 2012 Sem comentários

A Mirandell Sistemas, empresa especializada em desenvolver soluções inteligentes para seus clientes firmou parceria com a Init Tecnologia. Agora além de oferecer soluções de segurança, backup e gestão, terá em sua gama de produtos uma empresa nacional líder na produção e desenvolvimento de thin computing. A Init é lider neste seguimento e possui certificações como CE, FCC, ROHS, UL e IMETRO.

Para mais informações, acesse o site da Mirandell Sistemas, lá você poderá conhecer um pouco mais sobre os modelos da INIT disponíveis.

 

Novo site da Mirandell Sistemas

11, junho, 2012 Sem comentários

A Mirandell Sistemas, fundada em 2007, é sediada na cidade de Guarulhos, a segunda maior economia do estado de São Paulo, a apenas 15 minutos da capital.

A proposta é desenvolver e fornecer soluções inteligentes de gerenciamento de TI. Com ampla experiência em desenvolvimento de sistemas, indicação das soluções mais adequadas e otimização dos recursos já existentes, a Mirandell Sistemas evolui constantemente para atender as necessidades de seus clientes.

Além de desenvolver eles oferecem produtos de valor agregado na área de segurança, são eles:

Avira – Solução completa de antivírus, antispam e firewall

SEP – Solução completa de backup e recuperação de desastre

Seu novo website foi lançado, para conferir acessem:

SITE: http://www.mirandell.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/pages/Mirandell-Sistemas-Ltda/398760266832966

Twitter: https://twitter.com/#!/mirandell_Br

 

SEP Software nomeia Nodes Tecnologia como distribuidor no Brasil.

20, março, 2012 Sem comentários

Soluções de backup e de recuperação de desastres atendem aos mercados Citrix, Novel, Unic, Linux, Windows, VMWare, Oracle, HedRat, Zarafa, Apple, SAP, IBM e SUN entre outros

A SEP Software, especialista em software para gerenciamento de armazenamento, backup e recuperação de dados na rede corporativa, anuncia a nomeação da Nodes Tecnologia como distribuidor de seus produtos no Brasil, ficando responsável pela comercialização, implementação e suporte ao portfólio de produtos SEP, que inclui soluções para Citrix, Novel, Unix, Linux, Windows, VMWare, Oracle, RedHat, Zarafa, Apple, SAP, IBM e SUN, entre outros

Segundo Tim Wagner, diretor para Américas da SEP, a nomeação da Nodes Tecnologia segue a estratégia da companhia em ampliar o atendimento aos usuários brasileiros  e cria uma rede de revendas no mercado brasileiro. “Estamos garantindo todo o apoio tecnológico à Nodes Tecnologia para que os nossos clientes no Brasil possam ter total segurança na adoção de nossos produtos. Toda a capacitação ao nosso parceiro já está sendo conduzida diretamente por nossa equipe de engenheiros e técnicos”, afirma o executivo.

Os planos da Nodes Tecnologia também inclui a seleção de novos parceiros regionais para a comercialização de todo o portfólio da SEP Software. De acordo com Bob Orosco, diretor Regional de Vendas América Latina da SEP, “nossos planos com a Nodes inclui o atendimento aos novos leads e aos atuais clientes no Brasil e também pretendemos criar uma rede de comercialização dos produtos.  O mercado brasileiro é altamente atrativo para as soluções SEP porque muitas empresas usuárias de soluções de backup tradicionais enfrentam problemas com as cópias de segurança e a recuperação de dados. Vamos analisar todas as demandas e oferecer as soluções adequadas para cada tipo de negócio”, garante o executivo.

Para Victor Mortatti, gerente nacional de canais da Nodes Tecnologia, a inclusão dos produtos SEP Software no portfólio da Nodes segue a estratégia da empresa em oferecer as melhores aplicações de segurança, de backup e de recuperação de desastres para o mercado corporativo brasileiro, que possui grande potencial e demanda para  soluções de alta tecnologia para backup e recuperação de dados. “Estamos com um mercado aquecido e ávido por soluções melhor qualificadas para atender às reais necessidades de segurança dos dados das companhias. Estamos otimistas quanto aos resultados com esta parceria com a SEP Software”, comenta o executivo.

Fonte: Site FonteMidia

PC no formato de pendrive com dual-boot de Ubuntu e Android entra em pré-venda.

29, fevereiro, 2012 Sem comentários

A empresa norueguesa FXI Technologies anunciou essa semana que começou a aceitar pedidos para o Cotton Candy, mini-micro-nano-pico computador que tem tamanho de pendrive, cara de pendrive, jeito de pendrive, mas não é um pendrive. É um computador, mesmo.Ele vem com processador ARM Cortex A9 dual-core rodando a 1,2 GHz, conexões WiFi, Bluetooth e conta com uma GPU ARM Mali 400 MP de quatro núcleos, que o torna capaz de reproduzir conteúdo em alta definição através de sua saída HDMI.

Já o armazenamento fica a cargo de uma entrada MicroSD. Tudo isso condensado em um corpinho de 8 centímetros de comprimento e 21 gramas de peso.

Rodando Ubuntu ou o Android, o Cotton Candy foi desenvolvido especificadamente para a nuvem e promete oferecer novas possibilidades a aparelhos que as pessoas já têm em suas casas. Altamente eficiente em energia, é alimentado por uma entrada USB, o que reforça a aparência de pendrive.

Cotton Candy: é um computador

“O aparelho será como um complemento a smartphones, tablets, notebooks, PCs e Macs, assim como adicionar recursos inteligentes a monitores, televisões, set top boxes e consoles (…) Nós estamos entregando a força de um computador e a rede a qualquer tipo de tela”, afirma a FXI em um comunicado oficial.

Segundo a empresa, as primeiras unidades do Cotton Candy serão despachadas já no mês de março aos clientes que estiverem dispostos a pagarem o equivalente a US$200 (R$ 340) pedidos em seu pré-venda. Mas a companhia lembra que a produção só deverá ser o suficiente para atender o mercado a partir da metade do ano.

Ao contrário do que pode parecer, o Cotton Candy não é um concorrente ao Raspberry Pi, outro computador de medidas diminutas que deverá chegar ao mercado até o final do ano. Com especificações bem mais modestas, foi desenvolvido para ações de inclusão digital e deverá custar US$ 35 (R$ 60) quando chegar às lojas.

Fonte: Tecnoblog

Carregador solar.

8, dezembro, 2011 4 comentários

Já faz um tempo que venho namorando uma fonte de energia limpa, pesquisei diversos dispositivos e ontem me deparei com esse da Elgin, não pude resistir.

Eu já tinha visto um “xing ling” parecido, mas como esse é Elgin resolvi experimentar. No primeiro momento adorei a embalagem, bem informativa, com um único defeito que comentarei mais a frente.

Como podem ver na foto, ele tem adaptador de energia pra uma variedade imensa de celulares, isso ajuda e muito quem troca de celular assim como penteado.

Ele é equipado com uma bateria de Li-Ion interna de 1200 mAh que fornece a energia necessária para carregar a bateria de qualquer celular. Essa bateria interna pode ser carregada de 3 formas:

– Colocando o aparelho na luz solar (Carga entre 10 e 15 horas).
– Ligando na porta USB do computador (Carga em 2 horas).
– Ligando ao adaptador AC incluso (Carga em 2 horas).

A praticidade desse gadget é incrível, ainda mais pelo preço, paguei R$ 79,00.

Agora vamos aos contras, não há informação de voltagem no adaptador AC, mas entrei em contato com o suporte da Elgin e prontamente me responderam que ele é bivolt.

Quem quiser mais informações sobre o brinquedo, acessem o link abaixo:

Carregador Solar Elgin

Atualização: 25/01/2012
Usei o brinquedinho bem mais de um mês e descobri alguns pontos contra:
 
– Carrega-lo no sol não dá certo, a luz solar esquenta demais o aparelho e ele perde muita tensão de saída.
– Dá pra carrega-lo colocando debaixo de uma lâmpada fluorescente.
– Ele não consegue carregar o meu Galaxy 551, apenas consegue mantê-lo por uma hora no máximo, portanto duvido que a bateria interna dele seja de 1200mAh
 
Para corrigir o problema da carga, eu aproveitei uma bateria novinha de um celular que eu descartei, desmontei o bichinho e inseri essa bateria em paralelo a bateria interna. Testei o tempo de carga e ele carregou o meu celular, basta saber quanto tempo extra ele dará para eu navegar antes de zerar novamente.

 

Conheça programa para rastrear computador perdido ou roubado.

9, novembro, 2011 Sem comentários

Os computadores portáteis tornaram-se ferramentas poderosas para quem precisa contar com um equipamento que possa ser levado a qualquer lugar. Porém, ninguém está livre de perder o equipamento, seja em situação de roubo, extravio ou esquecimento. Recentemente a polícia recuperou um laptop graças a programa que envia localização.

Dependendo da importância dos arquivos contidos nele, o prejuízo maior não é nem o valor da máquina, mas as informações armazenadas. Para prevenir, valem os cuidados de sempre, mas que tal contar com um aplicativo gratuito que disponibiliza a localização do computador num serviço na internet?

Nesta coluna, irei apresentar o Prey Project, um aplicativo de código aberto que permite rastrear o computador em caso de perda. O programa pode ser instalado no Windows, Linux, Mac e Android. A localização do equipamento fica disponível num serviço na internet, em que o usuário deve estar cadastrado previamente. A modalidade gratuita permite que sejam adicionados até três equipamentos para o monitoramento. Caso seja necessário adicionar mais computadores, é possível contar com a modalidade paga.

O instalador do Prey Project pode ser baixado no site do fabricante. Escolha a opção de download correspondente ao sistema operacional no computador a ser rastreado. Durante o processo de instalação, é necessário criar um usuário para acessar o painel de monitoramento no site. Esse usuário poderá ser adicionado em outras duas instalações de computadores, que também poderão ser rastreados. Para usuários do sistema operacional Windows, pode ser necessário autorizar a execução do aplicativo nos programas de segurança. Ao término da instalação, o agente de rastreamento ficará ativo e irá se reportar a cada 10 minutos ao painel de monitoramento. O tempo de envio da posição pode ser personalizado para cada equipamento.

Para acessar as configurações de usuário e verificar a situação dos computadores que estão sendo rastreados, basta acessar o site e autenticar no sistema. Já na página inicial ficam visíveis as máquinas monitoradas. Para definir configurações avançadas ou notificar a perda, é preciso clicar sobre a imagem corresponde ao dispositivo.

Eu baixei e instalei no meu Android e no meu note, há a opção de alerta de perda, assim os dispositívos sabendo que estão perdidos emitem relatórios de posicionamento e estado.

No caso do Android, ele me deu a posição do celular pelo GPS, e no caso do note, ele tirou uma foto usando a camera integrada, fez um print da minha tela e gerou diversas informações inclusive um traceroute.

Fonte: Portal G1

Notebook com SSD

6, outubro, 2011 Sem comentários

Estava pensando em fazer um upgrade no meu notebook, mas como ele é um Compaq Presario CQ50 nenhum upgrade seria viável, foi então que comprei um Dell Latitude E5410.

O preço foi bem bacana, mesmo porquê eu comprei o danado peladinho, pois os “opcionais” da Dell são uma facadinha dolorosa, só não abro mão do Complete Care, pois isso sim é um senhor serviço de atendimento.

Bom, mas como eu não sei brincar com nada sem desmontar antes de começar a brincadeira tive que ver como ele é por dentro, e não é que veio com um WD Scorpio Black de 250GB 7200RPM. Estou utilizando o note há um mês e estou satisfeito com o desempenho.

Isso tudo até ver um vídeo sobre SSD (Solid State Disc), segundo minhas pesquisas2 esse será o substituto natural dos discos rígidos atuais, uma vez que superam monstruosamente em desempenho.

O que estraga a opção por um dispositivo desse é o preço, ainda está salgado pelos tamanhos disponíveis, mas resolvi comprar um que atende a minha necessidade, dentre os disponíveis optei pelo Samsung SSD 128GB Serie 470, existem muitos outros, mas o custo x benefício deste foi o que mais me agradou.

A caixa do cara é bonita, mas como eu não ligo pra embalagem e sim para o conteúdo, vamos ao que interessa.

 

 

 

 

Pelo que se pode ver nas imagens o “disco” é formado por vários chips de memória flash, os mesmos usados nos pendrives, isso garante velocidade e armazenamento permanente de dados.

Tirando o fator preço, só é possível destacar vantagens no produto, que estão relacionados abaixo:

  • Alta velocidade de leitura e gravação.
  • Alta velocidade no tempo de resposta (Baixíssima latência).
  • Nenhum ruído.
  • Baixíssimo consumo de energia.
  • Não há risco de estragar por impacto, pois não há partes mecânicas.

Os vídeos abaixo ilustram bastante o que significa utilizar um disco SSD.


Bom, espero que este post ajude-os a entender um pouco mais sobre essa tecnologia.

Até a próxima.

Resolvendo problemas com Vista/7 64, IIS e Access.

20, setembro, 2011 Sem comentários

Dica: Resolvendo problemas com Vista 64, IIS e Access

Pessoal vai uma dica importante para quem pretende desenvolver com Windows 64 bits rodando os sites no IIS utilizando Access.

Bom o primeiro problema é que utilizando OleDb ele não funciona caso o aplicativo não esteja compilado para x86, então ao tentar executar algo aparece a seguinte mensagem de erro:

O provedor “Microsoft.Jet.OLEDB.4.0” não está registrado na máquina local.

Bom então para resolver esse problema devemos forçar a compilação do nosso aplicativo para x86, clique com o botão direito no projeto dentro do Solution Explorer e depois em Propriedades. Na guia Compile, clique em Advanced Compile Options e altere Plataform target para x86.

Feito isso publique novamente o site no IIS, e agora outro erro ocorrerá, o site não vai mais abrir, agora para resolver o problema temos que configurar o Application Pool do IIS para aceitar aplicativos 32 bits.

Bom, agora o site volta a funcionar e o erro do provider não ocorre mais, mas temos que tomar cuidado com mais um detalhe, como é Access o arquivo pode estar configurado como Somente Leitura, caso esteja o seguinte erro vai ocorrer ao tentar salvar algo no banco.

Microsoft OLE DB Provider for ODBC Drivers
A operação deve usar uma consulta atualizável.

Caso isso ocorra é só dar permissão de escrita para o usuário do IIS no arquivo.

Bom é isso ai, caso forem utilizar Windows 64bits, IIS e access é só seguir os passos descritos aqui que tudo funcionará.

Fonte: Blog do Márcio Fábio Althmann

Blog do Miranda Mobile

31, julho, 2011 Sem comentários

Agora quem quiser acessar os conteudos do blog, basta acessa-lo pelo celular que o blog detectará o seu browser e ajustará o conteúdo.

Tudo isso graças ao WordPress Mobile Edition, de fácil instalação, consegui fazê-la do meu próprio celular.

Categories: Mobilidade Tags: ,

Vendas de smartphones registram aumento significativo no primeiro trimestre de 2011.

14, junho, 2011 Sem comentários

De acordo com o Gartner, líder mundial em pesquisa e aconselhamento sobre tecnologia, as vendas de dispositivos móveis totalizaram 427,8 milhões de unidades no primeiro trimestre de 2011, o que representa um aumento de 19% na comparação com o mesmo período de 2010. A comercialização de smartphones cresceu em ritmo mais acelerado do que os demais dispositivos no período, e o mercado competitivo levará a uma adoção em massa destes dispositivos.

“Os smartphones responderam por 23,6% das vendas totais de celulares no primeiro trimestre de 2011, um aumento de 85% em relação ao último ano”, disse Roberta Cozza, analista de pesquisa do Gartner. “Essa participação poderia ter sido ainda maior, mas os fabricantes anunciaram uma série de dispositivos mais sofisticados durante o primeiro trimestre de 2011 que não seriam lançados até ao segundo trimestre de 2011. Acreditamos que alguns consumidores adiaram as compras para esperarem por estes modelos”.

Globalmente, o terremoto e o tsunami no Japão terão um efeito menor sobre o mercado de dispositivos de comunicação móveis do que o inicialmente previsto. O Gartner estima que as vendas dos fabricantes para os canais cairão no segundo trimestre de 2011.

As vendas da Nokia nos três primeiros meses de 2011 chegaram a 107,6 milhões de unidades (conforme tabela 1). A participação de mercado da companhia registrou uma queda de 5,5% no período, levando-a ao menor patamar de vendas desde 1997. Desta forma, a Nokia adotará uma política agressiva de reduzir preços médios de vendas (ASPs) de seus produtos em mercados onde os provedores de serviços de comunicações (CSPs) controlarem os canais de vendas. Com isto, a empresa pretende manter a distribuição de dispositivos Symbian enquanto espera o seu primeiro telefone Windows 7 chegar ao mercado. No entanto, a Nokia enfrentará desafios de concorrentes Android e de algumas restrições de oferta do Japão.

Tabela 1
Vendas globais de dispositivos movies a usuários finais no 1º trimestre (milhares de unidades)

 

A Samsung teve o melhor primeiro trimestre de todos os tempos. A mudança para smartphones de alto desempenho, como a linha Galaxy, levou a um aumento em ASPs. Isto ajudou a compensar um aumento no custo dos materiais. A Samsung fez vários anúncios de produtos durante o primeiro trimestre de 2011. Entre eles, vários anúncios do smartphone Galaxy (como o Galaxy S II), o Wave 578, e novos modelos de tablets Galaxy Tab (10.1 e 8.9). Esses novos dispositivos, juntamente com os efeitos da sazonalidade e da expansão em mercados emergentes com dispositivos touch e dual-SIM, deverão ajudar o desempenho da Sumsung no segundo trimestre de 2011.

A Apple vendeu 18,6 milhões de unidades para usuários finais mundialmente, mais do que dobrando as vendas anuais de iPhones. Esse crescimento veio de todas as regiões: agora o iPhone está disponível em 90 países de 186 CSPs. “Esse sólido desempenho ajudou a Apple a consolidar sua posição como a quarta maior marca no mercado geral de comunicação móvel,” disse Carolina Milanesi, vice presidente de pesquisas do Gartner. “Considerando-se o preço acima da média do iPhone, este resultado é excepcional e destaca o impacto que uma marca muito desejada pode ter sobre um produto.” As vendas para o final do primeiro trimestre de 2011 estavam levemente maiores do que o normal, pois a Apple não somente continua a se expandir em mercados como a China, onde a distribuição é mais fragmentada, mas também ampliou seu alcance em novos CSPs.

A HTC registrou um primeiro trimestre muito forte, com 9,3 milhões de dispositivos de comunicação móvel vendidos e passou para a 7ª posição. Produtos high-end ajudaram o bom desempenho da empresa  com os principais CSPs dos Estados Unidos, e no primeiro trimestre de 2011 ela se tornou a segunda fabricante de smartphones na região, ultrapassando a Research in Motion.

Embora nos mercados maduros a mudança de telefones com recursos para smartphones esteja acelerando, no geral os smartphones passaram para o mercado inferior (down-market) no primeiro trimestre de 2011. Vários fabricantes, incluindo HTC, Sony Ericsson, Alcatel e ZTE, anunciaram um portfólio mais amplo de dispositivos midtier, baseados principalmente em Android, que vão chegar ao mercado no segundo trimestre de 2011.

O Android e iOS da Apple continuaram a dominar a guerra dos sistemas operacionais para smartphones. Porém, a grande notícia do primeiro trimestre de 2011 foi a aliança estratégica da Nokia com a Microsoft para o Windows Phone 7, e a retirada do Symbian. “Isto vai precipitar a corrida dos concorrentes para capturar a fatia de mercado do Symbian” afirma Cozza.

No primeiro trimestre de 2011, a RIM anunciou que faria a transição de seu portfólio de Blackberry para a plataforma QNX em 2012. Isto deverá fazer com que seus smartphones fiquem mais competitivos em recursos gráficos, desempenho e toque, e unificar a experiência dos usuários de tablets e smartphones da RIM.

O Windows Phone apresentou apenas vendas modestas, que chegaram a 1,6 milhões de unidades no primeiro trimestre de 2011, pois os dispositivos lançados no final de 2010 não conseguiram crescer na preferência dos consumidores e os CSPs continuaram a se concentrar  no Android. No longo prazo, o suporte da Nokia vai acelerar a momento do Windows Phone.

Os analistas do Gartner acreditam que a mudança para um foco no ecossistema, aplicação e serviços é um fator crítico para o sucesso dos fabricantes. “Toda vez que um usuário faz o download de uma aplicação nativa em seu smartphone, ou coloca seus dados em algum serviço de nuvem de alguma plataforma, ele está se comprometendo com um determinado ecossistema e reduzindo as chances de mudar para uma nova plataforma. Esta é uma vantagem para os atuais proprietários do ecossistema, Apple e Google,” disse Cozza. Da mesma forma, ao colocar seus dispositivos em um contexto de um ecossistema mais abrangente, os fabricantes precisam começar a ver seus smartphones como parte de um continuum computacional.”

“O crescimento de 13,3 milhões de unidades no inventário do canal, juntamente com uma maior tranquilidade na demanda dos usuários em mercados emergentes, registrada no início do segundo trimestre de 2011, nos levam a ser cautelosos com relação às vendas para o restante do ano,” disse Milanesi. “Atualmente, estamos revisando para baixo nossa estimativa de vendas para 2011, como resultado dessas tendências, e prevemos que deverá cair para um valor entre 1,790 bilhões e 1,795 bilhões de unidades.”

Sobre o Gartner

O Gartner é líder mundial no fornecimento de pesquisas e aconselhamento na área de tecnologia da informação. O instituto fornece as análises de TI necessárias para seus clientes fazerem as escolhas certas todos os dias. De CIOs e diretores de TI em corporações e agências governamentais a líderes em empresas de alta tecnologia e telecomunicações, passando por investidores deste mercado, o Gartner é parceiro indispensável para 60 mil clientes em 10 mil companhias diferentes. Fundado em 1979, o Gartner tem sede em Stamford, Connecticut, e possui 4.000 associados, sendo 1.200 analistas de pesquisa e consultores em 80 países.

No Brasil, o Gartner está presente com três unidades: Gartner Research, que oferece pesquisas e aconselhamento para profissionais, fornecedores e investidores de TI; Executives Programs, grupo de CIOs alimentado pelo conteúdo Gartner com mais de 3 mil membros em todo o mundo; e Eventos, com simpósios e as três Conferências anuais sobre Integração de Aplicativos, Outsourcing e o Futuro da Tecnologia.

Para obter mais informações, visite www.gartner.com

Fonte: PLANIN Worldcom – Assessoria de Imprensa e Comunicação do Gartner

 

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux