Arquivo

Arquivo de setembro, 2009

Web 2.0 para PMEs

27, setembro, 2009 Sem comentários

Interação. Essa é a marca da Web 2.0, evolução da internet que estimula o usuário a levantar discussões, sugerir comentários, compartilhar com outras pessoas conteúdos próprios ou relacionados a seus interesses. É uma verdadeira mudança de paradigmas e, especialmente para pequenos empreendedores, um grande desafio. A pergunta fundamental questiona como encaixar a empresa nesse cenário, utilizando as ferramentas digitais em prol da divulgação de suas iniciativas?

Analisando o cenário brasileiro, uma pesquisa recente realizada pelo SEBRAE indica que 98% das 5,1 milhões de empresas do Brasil se encaixam na categoria de micro e pequenas empresas e sua movimentação representa 20% do PIB nacional. Grande parte delas tem acesso às tecnologias, sendo celulares e computadores os dispositivos mais utilizados.

Cerca de 70% das MPEs tem acesso à internet, entretanto, a navegação ainda está restrita para o envio de e-mails, consulta de preços, serviços bancários e compra de mercadorias. Ou seja, ainda há pouca ou nenhuma interação.

Um dos índices que mais chama a atenção é que poucas empresas deste segmento utilizam a web como forma de promoção e divulgação. Apenas 18% possuem sites próprios e 14%, lojas virtuais. Pode parecer um contra-senso, já que estudos demonstram que ações online tendem a ser mais acessíveis aos bolsos dos pequenos empreendedores.

Entretanto, já existem empresas que já entenderam o potencial das ferramentas digitais para impulsionar a divulgação “boca-a-boca” online de suas iniciativas, serviços e produtos. Ou ‘viralizar’ para usar um termo do meio. Para isso, abriram canais de comunicação com seus consumidores, blogs corporativos para público interno e externo, além comunidades em redes sociais.

Dicas de ouro para começar na Web 2.0
Estamos apenas no começo. Existe, ainda, um grande caminho a percorrer. Por isso, a chave pode estar em perder o medo de errar e embarcar nessa onda. Não adianta fugir desse novo mundo que se desenrola diante dos olhos de todos – tanto no universo dos negócios, quanto no pessoal. Precisa-se aproveitar o momento para fazer o negócio crescer.

Confira 10 dicas de ouro para ajudar nesse processo:

1. Expanda sua consciência: estude iniciativas/projetos de sucesso;

2. Converse com jovens nascidos na era digital: trocar ideias com quem vive diariamente a web 2.0 traz ótimas lições;

3. Comece a usar as ferramentas da Web 2.0: escreva um blog, poste vídeos no YouTube e fotos no Flickr, aprenda a usar o Twitter;

4. Fique de olho no comportamento do seu setor de negócios no mundo digital;

5. Reúna sua equipe e façam uma lista de possíveis formas de se usar a Web 2.0 em seu negócio. Premie as melhores ideias;

6. Re-examine seus objetivos;

7. Crie sua estratégia própria para web 2.0, pense no seu próprio marketing;

8. Busque sua palavra-chave: seja autêntico, seja o melhor “você” possível;

9. Perca o medo de errar: aja! Mexa-se agora. Teste. Fracasse. Aprenda. Adapte-se. Repita;

10. Não se esqueça da paixão: ela é o melhor termômetro quando se está no caminho do sucesso.

Fonte:  http://pcmag.uol.com.br/conteudo.php?id=2657

Web 2.0 para PMEs

24/09/2009 13:27:25
Por colaborador (Especial para a PC Magazine)

Sambapor André Bartholomeu Fernandes (*)

Interação. Essa é a marca da Web 2.0, evolução da internet que estimula o usuário a levantar discussões, sugerir comentários, compartilhar com outras pessoas conteúdos próprios ou relacionados a seus interesses. É uma verdadeira mudança de paradigmas e, especialmente para pequenos empreendedores, um grande desafio. A pergunta fundamental questiona como encaixar a empresa nesse cenário, utilizando as ferramentas digitais em prol da divulgação de suas iniciativas?

Analisando o cenário brasileiro, uma pesquisa recente realizada pelo SEBRAE indica que 98% das 5,1 milhões de empresas do Brasil se encaixam na categoria de micro e pequenas empresas e sua movimentação representa 20% do PIB nacional. Grande parte delas tem acesso às tecnologias, sendo celulares e computadores os dispositivos mais utilizados.

Cerca de 70% das MPEs tem acesso à internet, entretanto, a navegação ainda está restrita para o envio de e-mails, consulta de preços, serviços bancários e compra de mercadorias. Ou seja, ainda há pouca ou nenhuma interação.

Um dos índices que mais chama a atenção é que poucas empresas deste segmento utilizam a web como forma de promoção e divulgação. Apenas 18% possuem sites próprios e 14%, lojas virtuais. Pode parecer um contra-senso, já que estudos demonstram que ações online tendem a ser mais acessíveis aos bolsos dos pequenos empreendedores.

Entretanto, já existem empresas que já entenderam o potencial das ferramentas digitais para impulsionar a divulgação “boca-a-boca” online de suas iniciativas, serviços e produtos. Ou ‘viralizar’ para usar um termo do meio. Para isso, abriram canais de comunicação com seus consumidores, blogs corporativos para público interno e externo, além comunidades em redes sociais.


Dicas de ouro para começar na Web 2.0

Estamos apenas no começo. Existe, ainda, um grande caminho a percorrer. Por isso, a chave pode estar em perder o medo de errar e embarcar nessa onda. Não adianta fugir desse novo mundo que se desenrola diante dos olhos de todos – tanto no universo dos negócios, quanto no pessoal. Precisa-se aproveitar o momento para fazer o negócio crescer.

Confira 10 dicas de ouro para ajudar nesse processo:

1. Expanda sua consciência: estude iniciativas/projetos de sucesso;

2. Converse com jovens nascidos na era digital: trocar ideias com quem vive diariamente a web 2.0 traz ótimas lições;

3. Comece a usar as ferramentas da Web 2.0: escreva um blog, poste vídeos no YouTube e fotos no Flickr, aprenda a usar o Twitter;

4. Fique de olho no comportamento do seu setor de negócios no mundo digital;

5. Reúna sua equipe e façam uma lista de possíveis formas de se usar a Web 2.0 em seu negócio. Premie as melhores ideias;

6. Re-examine seus objetivos;

7. Crie sua estratégia própria para web 2.0, pense no seu próprio marketing;

8. Busque sua palavra-chave: seja autêntico, seja o melhor “você” possível;

9. Perca o medo de errar: aja! Mexa-se agora. Teste. Fracasse. Aprenda. Adapte-se. Repita;

10. Não se esqueça da paixão: ela é o melhor termômetro quando se está no caminho do sucesso.

Erro no Visual Studio novamente.

25, setembro, 2009 2 comentários

O erro anterior no Visual Studio não foi resolvido apenas desinstalando o MSXML4.0, estou partindo para a remoção e reinstalação da ferramenta, afinal a Microsoft não apresenta solução para o problema, vamos ver no que dá.

Categories: VB.NET Tags: ,

Erro no Visual Studio 2005 (Visual Studio Explorer and Designer Package)

24, setembro, 2009 Sem comentários

Estava mexendo no Visual Studio 2005, fiz as alterações que eu precisava no projeto, quando mandei dar o build, recebi diversos erros relativos aos webservices que tenho no projeto.

Cliquei com o botão direito na referencia do Webservice e cliquei em Update Web Reference. E não é que recebi a mensagem abaixo na cara…

Package ‘Visual Studio Explorer and Designer Package’ has failed to load properly (GUID={8D8529D3-625D-4496-8354-3D1D630ECC1B}). Please contact package vendor for assistance. Application restart is recommended, due to possible environment corruption. Would you like to disable loading this package in the future? You may use ‘devenv/resetskippkgs’ to re-enable package loading.

Bom, fui ao São Google e fui digitando as palavras do erro, quando ele completou o erro completo com um zilhão de resultados.

Depois de olhar várias soluções, e não encontrar nenhuma solução plausível, pois todas tratavam da versão Beta 2, e VS 2008, um cara disse que depois que ele removeu um addon do VS tudo voltou ao normal, então eu procurei esse cara e não encontrei, mas lembrei q a minha máquina tinha feito um update recentemente, e descobri q foi instalado o MSXML4.0 SP2, removi os ditos e tudo se normalizou.

Biblioteca de conexão.

22, setembro, 2009 Sem comentários

Quando comecei a programar em .NET eu utilizava o VS 2003. Fui a um evento da Microsoft, o PDC 2004, e lá em uma palestra nos passaram uma biblioteca de conexão com banco de dados chamada SQL Helper, eu utilizei a mesma em alguns projetos, mas depois que comecei a utilizar o VS 2005 com o Framework 2.0 essa biblioteca ficou obsoleta, então eu resolvi pergar as funções mais importantes, e resumi em uma biblioteca mais enxuta.

A Biblioteca possui 3 classes, são elas:

  • MSSQL – Conexão com SQL Server
  • Oracle – Conexão com Oracle
  • ODBC – Conexão ODBC genérica

Todas as classes possuem as seguintes funções:

  • ExecutarLeitura – Função que retorna um SqlDataReader para leitura.
  • ExecutarNonQuery – Função para executar uma query SQL que não precisa retornar nada.
  • ExecutarScalar – Função que executa uma query SQL e retorna um valor Long.
  • CarregarDataSet – Função que retorna um DataSet com uma DataTable populada de acordo com a query SQL informada.
  • CarregarDataTable – Função que retorna somente uma DataTable de acordo com a query SQL informada.

Utilização:

Carregando um DataTable.

With new Conexao

tbUsuario = .CarregarDataTable(“SELECT * FROM USUARIO”)

.Fechar <– não se esqueça de chamar o método para fechar a conexão com o banco.

End With

Executando uma query simples.

With new Conexao

.ExecuteNonQuery(“DELETE FROM USUARIO WHERE ID = 3”)

.Fechar

End With

Para baixar a biblioteca, utilize o link abaixo:

Conexao

Categories: VB.NET Tags: , , , ,

Conselho de Advogado.

21, setembro, 2009 Sem comentários

UTILIDADE PÚBLICA!

CONSELHO DE ADVOGADO
Um advogado fez circular a seguinte informação para os empregados de seu escritório:

1. Não assine a parte de trás de seus cartões de crédito. Em vez disso, escreva ‘SOLICITAR RG’.

2. Ponha seu número de telefone de trabalho em   seus cheques em vez de seu telefone de casa. Se você tiver uma Caixa Postal de Correio use esta em vez de seu endereço residencial. Se você não tiver uma Caixa Postal, use seu endereço de trabalho. Ponha seu telefone celular ao invés do residencial.

3. Tire Xérox do conteúdo de sua carteira. Tire cópia de ambos os lados de todos os documentos, cartão de crédito, etc. Você saberá o que você tinha em sua carteira e todos os números de   conta e números de telefone para chamar e cancelar. Mantenha a fotocópia em um lugar seguro. Também leve uma fotocópia de seu passaporte quando for viajar para o estrangeiro. Sabe-se de muitas estórias de horror de fraudes com nomes, CPF, RG, cartão de créditos, etc… roubados.

Infelizmente, eu, um advogado, tenho conhecimento de primeira mão porque minha carteira foi roubada no último mês. Dentro de uma semana, os ladrões compraram um caro pacote de telefone celular, contrataram um cartão de crédito VISA, tiveram uma linha de crédito aprovada para comprar um computador, dirigiram com minha carteira…

E MAIS….

4. Nós fomos informados que nós deveríamos cancelar nossos cartões de crédito imediatamente. Mas a chave é ter os números de telefone gratuitos e os números de cartões à mão, assim você sabe quem chamar.
Mantenha estes onde você os possa achar com facilidade.

5. Abra um Boletim Policial de Ocorrência (B.O.) imediatamente na jurisdição onde seus cartões de crédito, etc., foram roubados. Isto prova aos credores que você tomou ações imediatas, e este é um primeiro passo para uma investigação (se houver uma).

Mas aqui está o que é talvez mais importante que tudo:

6. Chame imediatamente o SPC (11-3244-3030) e SERASA (11-33737272)e outros órgãos de crédito (se houver) para pedir que seja colocado um alerta de fraude em seu nome e número de CPF. Eu nunca tinha ouvido falar disto até que fui avisado por um banco que me chamou para confirmar sobre uma aplicação para empréstimo que havia sido feita pela Internet em meu nome. O alerta serve para que qualquer empresa que confira seu crédito saiba que sua informação foi roubada, e eles têm que contatar você por telefone antes que o crédito seja aprovado..

Até que eu fosse aconselhado a fazer isto (quase duas semanas depois do roubo), todo o dano já havia sido feito. Há registros de todos os cheques usados para compras pelos ladrões, nenhum dos quais – eu soube – depois que eu coloquei o alerta. Desde então, nenhum dano adicional foi feito, e os ladrões jogaram fora minha carteira. Este fim de semana alguém a devolveu para mim. Esta ação parece ter feito eles desistirem.

Passamos para frente muitas piadas pela Internet . Mas se você estiver disposto a passar esta informação, realmente poderá ajudar alguém!

DPN .net.br, novas regras.

18, setembro, 2009 Sem comentários

Notícias do REGISTRO.BR

Prezado(a) Usuário(a),

(Essa mensagem destina-se especialmente aos que possuem um domínio que
termina com .com.br e que gostariam de preservar esse nome de domínio
sob o .net.br.)

A partir de 27 de outubro de 2009, o .net.br aceitará pedidos, tanto
de pessoas físicas, como de pessoas jurídicas. Isso significa que
todos poderão registrar um domínio sob o .net.br que se tornará um
domínio “genérico” como já é hoje o .com.br. (desde 1 de maio de 2008,
o registro de domínios .com.br aceita pedidos, tanto de pessoas
físicas, como de pessoas jurídicas.)

Entretanto é necessário garantir um início suave e justo do
funcionamento do .net.br. Para isso foi estabelecido um período de
seis meses (internacionalmente conhecido como “sunrise period” – o
“período de alvorada”), em que o direito prévio de quem já tinha um
domínio sob o .com.br possa ser preservado. Assim, se você tem um
domínio que termina com .com.br, pode registrar, caso assim o queira,
esse mesmo nome sob o .net.br. Essa proteção especial termina em 6 de
outubro de 2009. A partir de 27 de outubro, qualquer nome disponível
sob o .net.br poderá ser registrado por qualquer interessado. Ou seja,
caso haja interesse em registrar no .net.br o mesmo domínio que possui
hoje no .com.br, essa reserva estará garantida apenas até 0h de 6 de
outubro. Se esse direito não for exercido até aquela data, isso
indicará que o possuidor daquele domínio .com.br libera o nome
equivalente sob .net.br a quem se interessar.

Portanto, se há interesse em registrar o nome que usa no .com.br
também no .net.br, faça-o o quanto antes utilizando-se desse período
de proteção.

Entre 6 de outubro e 27 de outubro existirá um período de segurança,
durante o qual o registro sob o .net.br ainda estará fechado para
nomes pré-existentes no .com.br e que se destina à resolução de
eventuais pendências que tenham surgido durante o período de reserva.
A partir de 0h de 27 de outubro, o registro sob o .net.br estará
aberto normalmente a todos. Se houver dúvidas estamos a disposição.

Agradecemos a atenção,

Registro.br
http://registro.br/

Envio de ítens de um ListBox para Outro

17, setembro, 2009 Sem comentários

Quando temos dois listbox, um tem um conjunto de informações e queremos passá-los para outro listbox, por exemplo, categoria x produto, temos que verificar os ítens que estão em um listbox e inserirmos no outro.

Por isso criei uma função que pode ser adicionada a biblioteca de funções do seu projeto, ele é super simples.

Podem baixá-lo, se houver alguma sugestão, enviem um comentário.

EnviaLST

Categories: VB.NET Tags:

Construindo aplicações ricas de internet com Adobe Flex 3 e ASP.NET

17, setembro, 2009 Sem comentários

Vagando pela Internet encontrei um artigo muito interessante e muito explicativo, para criação de aplicações usando o Flex 3 da Adobe, é uma versão mais atualizada, mas funcional do antigo Flash.

Eu cheguei a testar o RIA da Macromedia, estive inclusive com um especialista deles, mas eles não conseguiram conectar um “datagrid” deles com um dataset meu feito em aspnet.

O artigo vale a pena.

http://imasters.uol.com.br/artigo/12375/aspnet/construindo_aplicacoes_ricas_de_internet_com_adobe_flex_3_e_aspnet/

Categories: VB.NET Tags: , , , , ,

Novo Windows Live Messenger

16, setembro, 2009 Sem comentários

Bom, eu adiei a atualização do meu MSN Messenger para o Live Messenger até onde deu, eu estou rodando o Windows Vista Ultimate versão 32bits, mas na primeira vez que instalei o Windos Live Messenger ele não conectava, sempre travava, mas agora parece que o problema foi resolvido.

Estou rodando a versão 2009, eles mexeram no visual innclusive, está mais light do que a versão anterior, os ícones menores, agora até dá pra rodá-lo por Remote Desktop, claro que sempre cubro os banners que são ultra animados no rodapé, pois isso causa uma lentidão tremenda no RDP.

Estou testando e vamos ver as falhas dessa nova versão, até agora não encontrei nenhuma.

Recriando índices.

15, setembro, 2009 6 comentários

Todos sabem que os índices em bancos de dados são essenciais para agilizar o processo de pesquisa. Isso independe do fabricante, seja SQL Server, Oracle ou mySQL.

O problema é que esses índices são alterados o tempo todo nas tabelas. A cada inserção, alteração ou exclusão, eles são alterados, gerando uma fragmentação muito grande, e retardando as buscas.

Pesquisei em diversos fóruns sobre o assunto e descobri que recriar (rebuild) os índices é uma prática comum em processos de tunning de banco, então resolvi escrever uma PL-SQL que executa o processo de rebuild de todos os índices de um determinado schema.

rebuild_indices.rar

Categories: Oracle Tags: , , ,
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux